Inteligência Emocional é a competência do futuro?
Inteligência Emocional é a competência do futuro?

Artigo | Desvendando a Inteligência Emocional

Quando você olha para a sua vida escolar, se recorda de ter cursado uma disciplina no colégio chamada “Emoções e Sentimentos” ou “Alfabetização Emocional”? Provavelmente não. Hoje, muito se fala em Inteligência Emocional (IE), mas geralmente só nos damos conta dessa habilidade (ou da falta dela) quando percebemos o quão complexo é o nosso mundo interno.

Inteligência Emocional é ter consciência de nossas emoções, conhecê-las profundamente e saber lidar com elas, seja nos relacionamentos ou no trabalho. Com isso, fica mais fácil nos aproximarmos do que buscamos, de nossas metas e objetivos – e ela impacta até em nosso bem-estar físico! Quando não controlamos nossas emoções, acabamos reagindo negativamente, sem pensar, de forma desordenada e, consequentemente, perdemos oportunidades, acabamos com nossas carreiras e afetamos nossas relações.

As estatísticas nos mostram que, em todo o mundo, a depressão e outros transtornos ansiosos estão entre as principais causas de afastamento do trabalho e são considerados o mal do século. Segundo estimativas da Organização Mundial de Saúde (OMS), a depressão será a doença mais comum na próxima década. Ou seja, temos que aprender a manejar nossas emoções o quanto antes!

 

A Inteligência Emocional norteia o nosso mundo

De fato, precisamos saber como circular nesse mundo do sentir. Mas não é porque não aprendemos isso na infância e adolescência ou na vida escolar de maneira geral, que não podemos mais adquirir essa habilidade. Esta não é uma tarefa fácil, mas a boa notícia é que a IE também pode ser desenvolvida: é possível, sim, potencializar sua capacidade de conduzir suas emoções de forma que trabalhem a seu favor.

Não se trata de evitar ou parar de ter sentimentos como raiva, tristeza, frustração, ciúmes, dentre outros. Na realidade isso nem seria possível! O trabalho reside em conhecer nossos sentimentos, saber reconhecer nossas emoções, identificar nossos gatilhos emocionais negativos e positivos, controlar o impulso emocional e aprender a conduzir tudo isso da melhor forma, lidando tranquilamente com os relacionamentos. Quando desenvolvermos nossa IE continuaremos a nos zangar com pessoas e situações, mas saberemos nos zangar com a pessoa certa, na medida certa, pelo motivo certo e da maneira certa.

 

A Inteligência Emocional é a competência do futuro

Daniel Goleman, ph.D., psicólogo formado pela Universidade de Harvard, é o grande nome mundial, referência neste assunto. Autor do best-seller “Inteligência Emocional”, Goleman afirma que pessoas de sucesso têm 66% de suas habilidades conectadas ao Quociente Emocional (QE) e apenas 33% são relacionadas ao Quociente Intelectual (QI). Por muitos anos, os sentimentos foram desprezados pelas pesquisas e pelo ambiente de trabalho, mas hoje já sabemos que a razão não é a única responsável por nosso sucesso.

E se o QI leva um profissional a integrar os melhores quadros da companhia, é o QE que o levará à liderança. Quando observamos gestores bem-sucedidos, percebemos 85% de suas competências vem do QE e somente 15% do QI. Estamos falando de autoconfiança, autocontrole, zelo, persistência, capacidade de automotivação, interesse genuíno no outro, empatia e a consciência de que bons resultados são fruto de bons relacionamentos e de um trabalho em equipe, feito a várias mãos.

 

Quer aprimorar sua Inteligência Emocional?

Para te ajudar a desbravar os caminhos dessa missão, nós da LEO Learning apresentamos a nova websérie do LearningFlix: Inteligência Emocional. Nela, você verá mais a fundo o conceito de Inteligência Emocional, entenderá como o nosso cérebro processa as emoções e passará pelos quatro pilares fundamentais da IE, segundo Goleman: Autoconsciência, Autogerenciamento, Consciência Social e Gerenciamento das Relações.

A websérie é apresentada por Paulo Alvarenga, o P.A, sócio-diretor da Crescimentum, nossa empresa parceira nesse projeto que propõe uma forma nova, interativa, leve e divertida de ampliar seus conhecimentos em diversos temas comportamentais. Além disso, P.A. é o único brasileiro certificado em coaching no tema Inteligência Emocional, com o próprio Daniel Goleman.

 

Quer aprender mais sobre Inteligência Emocional e aperfeiçoar esta importante habilidade? Então preencha o formulário abaixo e receba mais informações sobre o LearningFlix Inteligência Emocional.

 

Referências:

Inteligência Emocional: a teoria revolucionária que redefine o que é ser inteligente – Daniel Goleman. Editora Objetiva, 2012.